Aquíferos

LEITURA 01

LEITURA 02

LEITURA 03

LEITURA 04

LEITURA 05

LEITURA 05

LEITURA 06

LEITURA 07

Anúncios

De Olho – Desertos

pesquisa_de_mercado_para_sua_empresa

DESERTO VERDE?

LEITURA 1

LEITURA 2

LEITURA 3

DESERTOS

LEITURA 1

LEITURA 2

Geopolítica por trás da disputa entre Israel e o Irã em meio ao conflito na Síria.

Por trás do confronto entre Irã e Israel na Síria, há disputas religiosas e geopolíticas. O Irã, repetidamente, tem pedido o fim da existência do Estado judeu. O Irã tem intensificado sua presença militar na Síria, algo que Israel considera uma ameaça direta. O país é um dos maiores aliados da Síria e enviou centenas de soldados para apoiar o governo. Acredita-se que o Irã atue como consultor militar para os sírios. Além das tropas oficiais, milhares de milicianos armados, treinados e financiados pelo Irã – principalmente do movimento libanês Hezbollah, mas também do Iraque, Afeganistão e Iêmen – também estão lutando ao lado do Exército sírio. Israel, por sua vez, prometeu impedir que o Irã se fortaleça na região e supostamente tem atacado ativos e bases iranianos. O primeiro-ministro israelense, Binyamin Netanyahu, alertou que seu país poderia entrar em guerra com o Irã “o quanto antes” para impedir que este ataque Israel. Netanyahu também pressionou o presidente dos EUA, Donald Trump, para abandonar o acordo nuclear com o Irã, costurado durante a gestão de Barack Obama – o que Trump fez nesta semana. Na semana passada, Netanyahu disse ter provas de que o Irã quebrou o acordo e mentiu sobre programa nuclear. Ele também esteve em Moscou esta semana para conversas com o presidente russo, Vladimir Putin, sobre Síria e Irã.

MATÉRIA COMPLETA AQUI